Intensificação de pesquisas arqueológicas no município de Balneário Piçarras.

Estudos vinculados a processos de licenciamento cultural permitem ampliar a amostragem de áreas investigadas.

Uma nova área foi objeto de pesquisas arqueológicas em decorrência do processo de licenciamento ambiental de empreendimentos imobiliários. Dessa vez, a equipe da Espaço Arqueologia realizou estudos sobre uma área em que será construído um condomínio residencial, situada entre o mar e a Av. Nereu Ramos, no município de Balneário Piçarras.

A pesquisa realizada se enquadra na etapa de Avaliação de Impacto ao Patrimônio Arqueológico, portanto, consiste na realização de buscas por vestígios arqueológicos nas áreas do empreendimento, antes que as obras tenham início. Para isso, todo o terreno destinado ao Residencial foi percorrido pela equipe, que além de verificar a superfície do local, escavou poços-teste, para verificar a existência de materiais arqueológicos em subsuperfície. Como resultado, nenhum vestígio arqueológico foi encontrado.

Vale destacar que estudos como este seguem os critérios definidos pela legislação vigente que trata da salvaguarda do patrimônio arqueológico e tem caráter preventivo, ou seja, tem como finalidade evitar que sítios de interesse cultural sejam impactados por obras sem que, antes, sejam estudados.